Comer, beber, viajar, coisas de ler e de ouvir. Rodrigo Levino

Comer, beber, viajar, coisas de ler e de ouvir.

/// A melhor e mais fácil receita de macarrão

Hoje é o dia do macarrão, o que na prática não significa grande coisa além de um ligeiro aumento na clientela de restaurantes italianos. Mas, deixando o mau humor de lado, vou aproveitar a oportunidade para compartilhar uma receita que eu faço quase toda semana há pelo menos 10 anos, desde que ganhei da minha irmã o livro Fundamentos da Cozinha Italiana Clássica, da nonna Marcella Hazan. O molho leva três ingredientes (tomate, manteiga e cebola) e só precisa que você vá checar a cozinha de vez em quando para evitar um incêndio. O resultado, por sua vez, é espetacular, com a leve doçura da cebola e da manteiga equilibrando-se perfeitamente com a acidez do tomate em lata. A receita segue abaixo, mas caso você precise de um passo-a-passo visual, segue o link (em inglês) do blog Smittenkitchen (o mesmo de onde eu emprestei a foto). Vambora:

Ingredientes (para 2 pessoas): 1/2 pacote de espaguete ou outro macarrão de sua preferência, 1 lata de tomates italianos, 1 cebola, 1 colher de sopa de manteiga sem sal, sal, pimenta-do-reino e queijo ralado a gosto.

Preparo: Descasque a cebola e corte-a ao meio. Coloque as duas metades na panela com os tomates e a manteiga. Cozinhe em fogo baixo por cerca de 40 minutos, quebrando os tomates com a colher (mas mantendo a cebola intacta) até o molho ficar uniforme e a gordura da manteiga se separar. Enquanto isso, cozinhe a massa em água salgada, abundante e fervente. Antes de servir, descarte a cebola e tempere com sal e pimenta. Sirva com parmesão ralado.


/// Máquina de caranguejo

Ponha algumas moedas, aperte um botão e pegue um caranguejo da vending machine.

É na China. O vídeo foi feito por japoneses.

http://www.dailymotion.com/video/xfaa2j

/// Empabúrguer e outras comidas híbridas

Volta e meia chega aqui um release (comunicado de assessoria de imprensa) inusitado. Hoje recebi a notícia de que o Rancho da Empada lançou o empabúrguer, um misto de empada com hambúguer. Parece bizarro, mas nada mais é que um hambúguer recheado de queijo, coberto com massa e gergelim e assado no forno.  Eu experimentaria na boa.

Não digo o mesmo dos tacos de espaguete criados pelo programa infantil iCarly, da rede Nickleodeon. Foi uma brincadeira, mas virou febre nos Estados Unidos. Foi até alvo de reportagem do New York Times.

Pizza de canelone? Sushi de brigadeiro? Conte aí qual foi o prato híbrido mais bizarro que você já encontrou e, espero, provou.


/// Tortilha espanhola (receita inédita de Neka Menna Barreto)

VIP deste mês traz deliciosas receitas com ovo, um ingrediente que todo mundo tem na geladeira e sempre salva a pátria quando bate uma fome em hora imprópria. Por falta de espaço na revista, deixamos de publicar uma das criações de Neka Menna Barreto: a tortilha espanhola. Corrijo o erro agora, postando a receita aqui para espantar as moscas que andavam frequentando este blog.

A tortilha espanhola é uma omelete de batata. Às vezes eles incrementam com linguiça, camarão ou outros ingredientes, mas pode acreditar que a receita básica já é fantástica. O esquema é parecido com o do nosso pão de queijo: os bares espanhóis fazem tortilhas às dezenas, e a qualquer hora do dia os clientes enganam o estômago com uma fatiazinha, que pode ser fria mesmo.

A grande dificuldade desta receita é virar a tortilha no meio do processo para que ela cozinhe dos dois lados. Se você fizer uma omelete fina, pode trapacear: tampe a frigideira e deixe o vapor cozinhar o ovo no topo. Se não, respire fundo e mãos à obra: coloque um prato sobre a frigideira, vire a tortilha sobre ele e a retorne à panela, tentando fazer o menor estrago possível.

Lá vai a receita.

Ingredientes: 2 ovos, 2 xícaras de batata crua em cubinhos, 1 xícara de cebola refogada em cubinhos, 1 colher de sopa parmesao ralado de boa qualidade, ½  pimenta dedo-de-moça picada muito fina (sem semente), 1/2 xícara de salsinha picada, sal a gosto, azeite
Preparo: Frite as batatas em azeite e escorra em papel-toalha. Deixe
esfriar e misture aos outros ingredientes. Frite em azeite numa frigideira antiaderente e, quando a mistura começar a endurecer perto da borda, vire. Cozinhe por mais alguns minutos e sirva.