É consenso em rodas de mulheres: homens não terminam relacionamentos. Não têm coragem de botar ponto final em namoros e casamentos. Mesmo quando percebem que o negócio anda mal das pernas, a tática é empurrar com a barriga e ir dando um monte de motivos para… a mulher terminar.

“Infelizmente, os homens não apren­deram a falar a verdade para as mulheres”, diz Ana Canosa, psicóloga, sexóloga e colunista de sexo da VIP. Há também o outro lado, claro. “As mulheres não conseguiam ouvir verdades duras, como a diminuição do interesse sexual e afetivo a que todas as pessoas estão sujeitas. Isso mudou.”

Para o jornalista Felipe Van Deursen, novo colunista de comportamento masculino da revista NOVA, o problema é um só e facilmente identificável: preguiça. “Homem gosta de conforto. Gosta do garantido. Então é difícil o cara terminar um relacionamento, mes­mo quando está ruim.”

De qualquer forma, é bom saber: se você for sincero, a mulher (e as amigas dela) no futuro vai lembrar de você como um cara entre poucos, um homem de verdade, não um moleque.

16 sinais de que não tem mais jeito

Se seu namoro apresentar mais de cinco dos itens abaixo, considere a possibilidade de que ele não tem mais salvação

1- Você anda sumido
Vira e mexe, você desliga o celular simplesmente porque não quer ser incomodado. E deixa para responder
o SMS dela no dia seguinte. Ah, vai encontrá-la hoje para quê, se no fim de semana os dois já têm aquela festa?

2- Os problemas dela cansam
A paciência para ouvir aquela confusão que deu no escritório dela é menor do que a que você tem com uma atendente de telemarketing.

3- As conversas acabam
“O casal pode até conversar, mas normalmente são assuntos banais ou usuais. Eles trocam informações, mas estão muito pouco interessados no universo da outra pessoa”, diz o psicólogo Fred Mattos, autor do blog Sobre a Vida.

4- Nada de olhares
“Vocês mal se olham, agem como se estivessem num elevador”, afirma Fred.

5- As brigas são à toa
“O número e a frequência de brigas por questões pequenas aumentam. São brigas rançosas e cheias de acusações pesadas. Vocês estão muito machucados e pouco dispostos a ceder ou oferecer algo um para o outro”, diz o psicólogo.

6- Você pensa muito em sua vida de solteiro
Suas fantasias sobre sua vida sem a parceira são frequentes. Você retoma os sonhos de infância e adolescência. “Coloca os projetos em dia, passa a ter um mundo paralelo, cheio de realizações, que não a inclui”, conta Fred.

7- Não há nada em comum
“Os dois estão distantes. O sexo é mecânico, sem criatividade. As rotinas são diferentes e há desinteresse em ajuda mútua”, exemplifica o especialista.

8- Você quer pegar todas as outras
“Como o coração humano vive de esperanças e amores, é natural que a mente comece a buscar estímulos para continuar seguindo em frente”, diz Fred Mattos. “Daí surgem as amigas do trabalho, amigas de amigas, garotas de programa… Traições podem acontecer e podem ser mais fruto de desespero do que de sacanagem.”

9- Você está triste
Sente um mal-estar estranho, uma angústia, uma tristeza sem motivo aparente. Batata.

10- Pensa muito no passado
O seu desejo é que tudo pudesse voltar no tempo e você pudesse corrigir os erros do passado. “Revisita cada falha, cada episódio da vida a dois, tentando achar um culpado ou apenas mortificando-se”, afirma Fred.

11- Perdeu o interesse em se cuidar
Todos esses sentimentos confusos podem transformar-se em aumento ou perda de peso, desleixo com a aparência e pouco entusiasmo em fazer os programas de lazer a que estava acostumado.

12- Tem sensação de asfixia
“Quando você a encontra, parece aquele dia que volta das férias para o trabalho”, compara o especialista. “Você tem saudade dela, mas, quando a vê, sente desconforto. A saudade é daquela pessoa que você idealizou. É comum achar que essa saudade é sinal de que ainda há amor. Mas, quando o fim de semana chega, o desespero sutil de vê-la o tempo todo começa. E as segundas-feiras são um alívio.”

13- Há dificuldade em fazer planos
A perspectiva do futuro costuma mover um casal. “Nessa fase, é quase impossível pensar em planos comuns. Férias, feriados, Natal, Ano-Novo são verdadeiros pesadelos. Pensar em mais dez anos à frente é totalmente inimaginável.”

14- As tentativas de melhorar são frustradas
Você já tentou várias formas de reaquecer a relação. E elas geralmente estão acompanhadas de cobranças e acusações.

15- Os dois são radicais
“Quando existe inflexibilidade e indisposição para mudar, qualquer tentativa de reconexão é vazia de sentido”, diz Fred Mattos. Os dois são egoístas e não abrem mão de seu ponto de vista.

15 passos para terminar

Constatou que o negócio não tem mais jeito mesmo? Aprenda aqui o caminho até o fim

1- Não espere ter outra
Se você já viu que as coisas não vão bem, não espere até aparecer outra na sua vida. Pode até ser mais fácil para você, mas sua imagem vai ficar arranhada.

2- Não termine do além
“Dê sinais. Não finja alegria e motivação. Demonstre que as coisas não vão bem, evitando grosserias e brigas”, aconselha Ana Canosa. “Ausente-se aos poucos, mas sem trocar a saída com ela pela balada com os amigos.”

3- Marque uma conversa
Não aja informalmente. Diga com todas as letras que você precisa conversar com ela sobre algo sério. Se ela perguntar o que é, fale apenas que diz respeito ao relacionamento.

4- Encontre o local e a data certos
Ana Canosa aconselha que você procure um local neutro, que não evoque lembranças do namoro. Pode ser um restaurante ou bar – a chance de ela ter um chilique dos brabos diminui. “Mas lugares expostos, como restaurantes badalados ou ambientes muito claros, não são ideais.” E, lógico, evite datas comemorativas.

5- Termine cara a cara
SMS facilita muito a vida, mas ela merece mais do que isso (a não ser que seja um casinho de poucos dias). E vale terminar pela internet só se ela estiver em outro estado ou país e o relacionamento de vocês sempre foi mais virtual.

6- Muna-se de disposição

Nada de marcar compromisso para depois ou marcar a conversa na noite anterior àquela reunião bem cedinho. “Vá com tempo e disposição para aguentar o tranco”, diz Ana.

7- Desconecte-se
Desligue o celular. Toda sua atenção deve ser para ela e para a conversa.

8- Seja sincero e objetivo
“Diga que não está satisfeito com a relação, que pensou bastante antes de tomar a decisão, e que a única saída que você encontrou para acalmar seu coração é o fim do relacionamento”, afirma nossa colunista de sexo.

9- Não acuse
“Nada de acusação ou autopiedade. Raiva só atrapalha tudo”, diz Fred Mattos. “Trate da relação, e não de uma pessoa em questão. É sempre a relação que adoece.”

10- Fale de sentimentos
“Não há como rebater os sentimentos. E trate de fatos, o que impede devaneios e acusações sem sentido”, aconselha Fred.

11- Dê espaço para ela falar
Ela vai perguntar, querer dizer o lado dela. Ouça. “Continue sempre sincero. Não culpe a moça nem arranje desculpas”, afirma Ana Canosa.

12- Mas sinceridade tem limite
Não há necessidade de contar coisas que vão apenas deixá-la mais magoada ainda, como aquela traição com a secretária.

13- Aguente o choro dela
“O choro não é sinal de que ela vai morrer, é sinal de tristeza intensa”, afirma Fred Mattos. “Respeite e observe. Mas não tente protegê-la exageradamente recuando na decisão ou dando consolos mentirosos.” Se ela der um escândalo, fique na sua, não levante a voz.

14- Enalteça as qualidades dela
“Diga tudo o que aprendeu com ela e o quanto as qualidades da moça foram importantes na relação de vocês”, afirma a sexóloga.

15- Leve-a para casa
Claro, isso se ela não estiver furiosa. “Abrace-a e dê um beijo de despedida”, diz Ana.

6 coisas para NÃO dizer

Nenhuma mulher na face da Terra acredita ou suporta mais uma das frases abaixo

“O problema não é você, sou eu.”

“Você merece alguém melhor do que eu.”

“Não sou a pessoa certa para fazer você feliz.”

“Você vai ficar melhor sem mim.”

“Não me sinto preparado para um novo relacionamento agora.”

“Preciso de um tempo para pensar.”

O dia seguinte

Mesmo que a ressaca bata, se você tinha certeza de que o relacionamento estava falido, resista à tentação de telefonar para ela. Mas, se ela bater em sua porta, atenda-a. “É sempre bom dar atenção, principalmente se a história é antiga e a mulher, significativa”, diz Ana Canosa. “Essa pessoa passou um tempo do seu lado. Curtiu. Vocês foram felizes um tempo. Respeite isso”, diz Felipe Van Deursen. Afaste-se aos poucos.

“Não responda a todas as mensagens e não marque outros encontros para conversar. Tudo já foi dito”, diz Ana. “Ficar atendendo apelos da parte dela pode soar como sinais de retorno irreais”, afirma Fred Mattos. Outra coisa importante: nada de ficar aparecendo em lugares em que sabe que ela vai estar. “Ela está tentando te esquecer, não marque presença na vida dela. Arrume outra maneira de lustrar seu ego, porque essa é muito cruel”, diz nossa colunista.
Depois de dois ou três meses, Fred aconselha que você rompa o contato definitivo para preservar o luto saudável. “As mudanças de status no Facebook podem ser discretas e ocultas, sem grande alarde ou comentários bobos, que mostrem que você está feliz ou que já está com outra pessoa.”

Matéria publicada na revista VIP de abril de 2012.