5 passos para o hambúrguer perfeito

O melhor post da sua semana está aqui: o passo a passo para fazer um burger inesquecível

Nós não concordamos com o Dia do Hambúrguer, comemorado no dia 28 de maio. O motivo é simples: na VIP todo dia é dia de comer um suculento burger. Mas, inspirados por essa data tão emblemática, pedimos para os chefs do Bro Burger, em São Paulo, listar quais os  segredos para fazer o hambúrguer perfeito. Abaixo, o segredo para você fazer o seu:

1º – De olho no blend

Na hora de preparar a mistura de carnes, ou seja, o famoso blend, as porcentagens de gordura e carne magra tem que ser balanceadas para obter uma carne suculenta e saborosa. Geralmente, a gordura de uma carne deve ter em torno de 15% a 20% do peso da carne limpa.

2º – Não esqueça de escolher o pão perfeito

O pão não é o protagonista, mas precisa ter um sabor marcante, uma textura firme e macia e ao mesmo tempo não se destacar no conjunto, deixando a carne em primeiro plano. Ou seja, nada de pão francês (muito duro) ou aquele pão com um sabor muito forte. 

Veja também

3º – Tenha paciência

Em outras palavras, deixe sua carne descansar.  Uma carne bem selada precisa descansar pra liberar a mioglobina , o chamado suco da carne, evitando assim que ela umedeça o pão, tornando a experiência de segurar o conjunto muito mais agradável, sem o famoso pinga pinga.

4º – Cuidado com a cocção

A temperatura de cocção do blend tem que ser controlada, nem muito quente pra não torrar a capa e nem muito fria para não cozinhar a carne. Para a tarefa, é possível usar uma chapa ou até mesmo a churrasqueira. E lembre-se: a carne tem que caramelizar a capa, deixando seu interior quente e suculento, mas sem ressecar, e o exterior com uma capa crocante. Para isso,  você não vai poder usar toda a potência do seu forno.

5º – Lembre-se que você é o chefe

Conhecer bons ingredientes e saber usá-los é fundamental para montar o hambúrguer perfeito, criando um conjunto harmônico tanto no paladar quanto visualmente. Às vezes um “verde” junto com a carne e o queijo fazem toda a diferença. Se estiver arriscando na cozinha, vale experimentar várias opções e diferentes combinações.