O jogo da meditação: o aplicativo que te ajuda a focar

Para quem tem dificuldade como eu de aquietar a mente, o aplicativo Muse é a solução

Nunca tivemos acesso a tanta informação, e momentos de pausa são cada vez mais difíceis, porém fundamentais. Sou adepto da prática da meditação há um ano. Ansioso, agitado e superativo, tive dificuldade em conseguir concentração e tranquilizar a mente para meditar.

Nesse processo evolutivo, conheci o Muse, um gadget que poucos imaginam existir. Simplesmente é um dispositivo tecnológico de conectividade para ajudar você a desconectar do mundo e imergir na meditação. Criado em uma universidade do Canadá, durante um processo científico de pesquisa, o Muse é uma espécie de headset que analisa suas ondas cerebrais, mostrando a atividade do cérebro em tempo real e ajudando no processo de meditação em curtas sessões de três minutos.

Essas informações são transmitidas para seu smartphone ou tablet por meio de um aplicativo. Para quem tem dificuldade em aquietar a mente, como eu, o Muse é a solução. Você tem três níveis para alcançar no app: ativo, neutro e calmo. Seu objetivo deve ser ficar cada vez mais próximo do nível calmo. O sistema também permite acumular pontos de acordo com o tempo que seu cérebro ficou estabilizado em cada fase.

Para destacar esses momentos de uma forma marcante, o gadget utiliza sons diferentes para cada etapa. Quando você está calmo e focado em sua respiração, vai ouvir o som de ondas. Se os pensamentos começam a se aglomerar na mente, ouvirá o som de uma rajada de vento (a ideia é que esse barulho o leve de volta para o “silêncio” da mente e para a respiração profunda).

Quando estiver extremamente calmo e conseguir atingir o estágio “zen”, ouvirá o som de pássaros. Quanto mais tranquilo e zen, mais pássaros. E a cada passarinho que ouvir, pontos extras são somados numa diferente dinâmica para relaxamento.

Com tudo isso à sua disposição, você só precisa separar três minutos por dia. É a meditação como um jogo simples e motivacional.

É sempre importante destacar que a prática da meditação é algo muito saudável e, no meu caso, contribuiu muito para lidar com o estresse do dia a dia de agência de comunicação. Qualquer pessoa pode e deve meditar, com ou sem esses artifícios.

O custo do Muse é em torno dos 299 dólares, com entrega em diversos países, inclusive no Brasil. Para quem não quer desembolsar esse valor, vale experimentar outros aplicativos gratuitos como Headspace. Porém todos ainda ficam aquém da experiência que o
Muse proporciona.

Marcelo Tripoli é publicitário, geek e empreendedor serial, além de autor do livro Meaningful Marketing