Scarlett Johansson: “Não acho que seja natural ser monogâmica”

A atriz de Ghost in the Shell contou à Playboy americana seus pensamentos sobre casamento e monogamia

Scarlett Johansson, que recentemente terminou seu casamento com o jornalista francês Romain Dauriac, deu uma entrevista para a nova edição da revista Playboy onde revelou sua visão sobre casamento e monogamia. “Eu acho a ideia do casamento muito romântica, é uma ideia linda, e sua prática pode ser uma coisa muito bonita”, ela conta. “Eu não acho que seja natural ser uma pessoa monogâmica”, continua.

Crédito: Getty Images

Crédito: Getty Images

A intérprete de 32 anos já havia falado sobre o tema publicamente. Em 2008, ela afirmou à revista Cosmopolitan que, apesar de não achar a monogamia algo natural, não significa que ela não acredite na monogamia ou no amor verdadeiro. “Eu sempre tive relações monogâmicas. Eu nunca quis estar em uma relação aberta. Seria muito horrível. Monogamia pode ser um trabalho difícil para algumas pessoas. Não acho que se aplica a todo mundo e não acredito que muitas pessoas consigam”, concluiu na época.

Ainda para Playboy, ela afirma que o casamento sempre muda um relacionamento. “Ser casado é diferente de não ser casado, e quem te dizer que é a mesma coisa está mentindo”, afirma. “As coisas mudam. Eu tenho amigos que estavam juntos há 10 anos e então decidiram se casar, e eu vou perguntar no dia do casamento deles ou logo depois se está diferente e sempre está”, ela diz. “Tenho muito respeito pelo casamento e fiz parte dele, mas acho que definitivamente vai contra algum instinto”.

Veja também