Veja as 5 porta-bandeiras mais belas da Olimpíada de 2016

Atletas vão carregar a bandeira de seus países na cerimônia de abertura no Maracanã

 

Como manda a tradição, a Grécia será a primeira a entrar no estádio, depois os países caminham em ordem alfabética, até o anfitrião Brasil fechar o desfile de milhares de atletas de 206 países e mais alguns refugiados. Cada país terá um representante que conduzirá a bandeira de sua nação na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos de 2016. No Brasil, a honra ficou com a Yane Marques, atleta do pentatlo moderno. Mas a VIP, de olho nas musas da competição, escolheu 5 belas desportistas para você ficar de olho durante a festa. Confira:

VEJA TAMBÉM:

Catalina Ponor – porta-bandeira da Romênia

A ginasta vai disputar sua quarta Olimpíada e têm cinco medalhas conquistadas

 

Caroline Wozniacki – porta-bandeira da Dinamarca

A tenista, ex-número 1 do mundo, vai participar da sua terceira Olimpíada 

@esquire 📸 @pamela_hanson

A post shared by Caroline Wozniacki (@carowozniacki) on

Federica Pellegrini – porta-bandeira da Itália

A nadadora foi prata em Atenas 2004 e ouro em Pequim 2008 nos 200m livre

Ci vediamo stanotte.. Stessa ora.. Stesso posto… Stesso sogno… ❤️❤️

A post shared by Federica Pellegrini (@kikkafede88) on

 Shelly Pryce – porta-bandeira da Jamaica

A corredora foi ouro nos 100m rasos em Pequim e Londres 

Namibia Ek Mis Jou!!! 😭😍😍 #Tbt #Namibia #ostrichegg #takemebackplease #Pryceless

A post shared by SFP3 (@realshellyannfp) on

Yusra Mardini – porta-bandeira dos refugiados

A nadadora síria  foi escolhida como porta-bandeira do time de atletas refugiados do COI.

(Foto: Mirko Seifert)