Cotton Project lança coleção “Objetos para Fumar”

"Pensamos que ao fazer o mesmo objeto com uma estética totalmente nova, conseguimos no mínimo levantar um questionamento sobre a estranheza da situação"

O tema do desfile da  Cotton Project na SPFW foi o ócio criativo e o poder do relaxamento, da desconexão com o mundo e a importância de desacelerar. O motivo  da escolha foi simples: “Seria legal se uma sociedade que realmente valorizasse o momento de relaxamento existisse mas se isso não acontecer, tudo bem também. Criamos essa temática por que é algo que acreditamos e vivemos e de certa forma, tem muito em comum com a marca e suas raízes do surf. Boa parte do exercício criativo das roupas veio de uma cena grunge do surf dos anos 90. Essa geração “perdida” que não ligava para nada e era tida como vagabunda (só queriam relaxar e fumar) foi um bom passo para a construção do tema”, conta Rafael Varandas, diretor criativo da marca. 

 

(Cotton Project/Divulgação)

Agora, em parceria com a Noni, uma linha de pipes, bongs e cinzeiros, todos de cerâmica, a Cotton Project lança a coleção Objetos Para Fumar, inteiramente feita à mão e com matérias-primas brasileiras. Queimados em alta temperatura, a reação entre a argila e o esmalte resultam em objetos únicos de tonalidade off-white. Sobre a novidade e a estranheza de uma marca de roupa escolher esse tipo de objetos para investir, Rafael é taxativo: “Eu acredito que a estética pode levar a ética. Acredito que podemos mudar a opinião das pessoas através de um simples redesenho estético de determinado assunto. As pessoas associam este tipo de objeto para fumar com peças feias e que de certa forma contaminam o usuário e toda a cena. Pensamos que ao fazer o mesmo objeto com uma estética totalmente nova, mais alinhada com um estilo que vendemos, conseguimos no mínimo levantar um questionamento sobre a estranheza da situação. Só o fato de as pessoas questionarem um estereótipo, já é uma imensa vitória hoje em dia. Quando tive a ideia, procurei logo a Fernanda da Noni, na minha opinião a melhor artesã de cerâmica do momento.”

A coleção estará à venda a partir de segunda-feira (27) na loja física da Cotton Project e também no seu e-commece (www.cottonproject.com.br), com preços de R$149 a R$499.