Quem tem medo de mulher?

Quem tem medo de mulher?

Cada vez mais elas reclamam que os homens ficam acanhados se a moça tem poder ou demonstra atitude. Nossa colunista-filósofa dá o caminho para você superar isso

Por: as 7:59 pm em 14/02/2013


Quem tem medo de mulher?

Quem tem medo de mulher?

Quem tem medo de mulher?

Eu estava no salão lendo uma entrevista da Rihanna numa revista americana. Entre considerações sobre a sua bem-sucedida vida profissional, veio a única reclamação da diva: “Estou esperando pelo homem que seja ‘ballsy’ [corajoso] o suficiente para lidar comigo. Mas eu vou esperar. A pessoa sempre encontra merdas erradas quando sai procurando”.

Comentei com as mulheres ao redor que essa era uma reclamação frequente entre minhas amigas e que eu mesma já tinha me visto nessa situação. Não é preciso ser uma popstar como Rihanna para já ter se deparado com um homem intimidado diante da gente. Bas ta ter alguma espécie de símbolo de poder (que supere em magnitude o poder do homem em questão), uma total independência ou segurança excessiva para que alguns vários homens demonstrem um certo medinho que pode ser expresso de várias formas, muitas vezes nada óbvias. Relações que poderiam vir a ser muito legais nem chegam a começar de fato devido a tais inseguranças.

Me parece um processo que rola inconscientemente. Os homens entenderam racionalmente que a mulher conquistou sua independência, que muitas vezes pode ganhar mais do que ele ou ter um apartamento mais incrível, uma vida mais estruturada ou uma atitude muito segura na abordagem e no sexo. Acho que é fato consumado que a mulher não precisa mais do homem como o provedor & protetor (com exceção de algumas menos modernas que ainda querem um maridinho bancando elas). O problema é que os homens que se sentem intimidados pelas tais mulheres poderosas não assimilaram isso. Uma coisa é compreender, outra coisa é internalizar e aceitar. E isso mexe com os arquétipos ancestrais da masculinidade: o homem se sentindo menos necessário acha que perdeu parte do seu poder. Mas a coisa é muito mais simples do que parece, acredite. Aqui algumas boas dicas para você ter em mente antes de ficar sem ação na próxima vez que se deparar com uma mulher foda. Vai que você podia estar com uma Rihanna, mas está aí pegando a girl-next-door da esquina por medo de ousar…

1 Não tenha medo. Eu poderia acabar esta coluna aqui porque essa é a grande questão: não se intimidar. Se você está saindo com uma mulher poderosa (seja lá qual qualidade a faça ser considerada assim), é porque algum poder você tem; do contrário, ela não estaria com você. Tome como elogio o fato de que, entre tantas opções, você foi o escolhido. Você pode achar que ela é muita areia para o seu caminhãozinho, mas, se ela está com você, no mínimo você deve ser muito bom de cama (o que – acredite, amigo – já é MUITO).

2 Entenda que ela precisa, sim, de você. Ela pode não precisar que você pague as contas ou que a faça ter algum status. Ela já tem isso. Mas aí vai um segredo sobre as mulheres incríveis: elas às vezes ficam exaustas de ser incríveis. Entende? Ser foda exige energia e força – e cansa. Então tudo que ela quer é um homem com quem ela possa relaxar e que entenda que ela precisa, sim, dele nas coisas mais simples. Portanto, quando Rihanna falou que precisa de um homem que tivesse colhões para lidar com ela, certamente ela não falou no cara-mais-poderoso-e-foda-do-mundo, mas em alguém que desse o que ela, com todo seu poder, não pode se autoproporcionar: carinho, parceria, boas risadas, bom sexo. É simples.

3 Não se incomode de parecer coadjuvante. Fato: a mulher poderosa muitas vezes vai aparecer mais do que você. E isso não o diminui como homem. É justamente o contrário: você, ao lado dela, desperta interesse. Faz as outras mulheres e homens pensarem “alguma coisa esse cara tem”. Estar com uma mulher poderosa valoriza seu passe, sempre.

4 Tome atitude. Mulheres incríveis adoram homens com atitude. Justamente porque todos têm medo, saia na frente e se mostre destemido. Tome atitude, não se reprima ao elogiar, ao dizer como a deseja ou a ama, não deixe o momento passar. Tais atos sempre são valorizados por esse tipo de mulher. Esse é o tipo de masculinidade que ela precisa.

Um segredo sobre as mulheres incríveis: às vezes elas ficam exaustas de ser incríveis.

Carol Teixeira veste Walério Araújo

Tags:


Por: em 14/02/2013

VEJA TAMBÉM

Principais Tags