Desafio Bio Ritmo: missão dada é missão cumprida

Juntos, eles perderam mais de 35 quilos. Têm mais disposição, saúde e, claro, autoestima. O resultado dos cinco participantes do projeto #SeisMesesEmForma

Há seis meses perguntávamos, aqui na VIP, o que significa estar em forma. O conceito é tão amplo quanto nossas necessidades e anseios.
Pode significar melhorar o condicionamento físico ou perder peso. Definir os músculos ou criar uma rotina mais saudável. É difícil, no entanto, dissociar a ideia de estar em forma da prática de atividade física. Ter uma rotina ativa é o princípio básico para alcançar resultados. E foi a isso que quatro leitores e nosso editor se dispuseram quando aceitaram participar do desafio Seis Meses Em Forma, proposto pela Bio Ritmo.

Driblando a rotina corrida, acordando mais cedo, usando parte do horário do almoço ou chegando mais tarde em casa para incluir atividade física em suas vidas, quatro deles fizeram pelo menos duas vezes por semana o Race Bootcamp, que mescla corrida a treinamento funcional e queima até 600 calorias em um treino. Apenas um, Maurício, que estava bem acima do peso, fez, três dias toda semana, o Burn Hiit Zone, que dura meia hora e junta bike, remo, halteres e step. Os dois treinos fazem parte de um novo conceito da Bio Ritmo, o de Mall Fitness, cuja unidade do Morumbi Town Shopping, em São Paulo, exemplifica: são “pequenas academias avulsas” no mesmo local – lá, o aluno pode pagar apenas pela aula também. Além do Race e do Burn, outros quatro treinos estarão disponíveis.

Os participantes do projeto foram orientados pela equipe de nutricionistas da Bio Ritmo, chefiada por Fúlvia Gomes Hazarabedian. Para não arrefecerem, foram acompanhados por influenciadores digitais, que os motivavam. No fim, todos relataram melhora do sono, mais disposição, cérebro mais ativo – sem, claro, contar os resultados estéticos. Esses estão abaixo, para você conferir.

Rodrigo Vitral

42 anos, cirurgião dentista

bioritmo-desafio-vip

(Vitor Pickersgill/Reprodução)

ANTES DEPOIS
Peso: 89,7 kg Peso: 85,5 kg
IMC: 25,6 IMC: 24,5
% de gordura: 18% % de gordura: 11,9%
Peso de gordura: 16 kg Peso de gordura: 10,6 kg
Peso de massa magra: 73,2 kg Peso de massa magra: 75,2 kg
Gordura visceral: 78,9 cm3 Gordura visceral: 45,7 cm3
O que diz a nutricionista

Rodrigo relata mais disposição, condicionamento e autoestima. Seus principais resultados foram a redução de 6,1% de gordura e de 34,1 cm3 de gordura visceral, o que fez a circunferência abdominal reduzir 8,5 centímetros.


Gustavo Zamarioli

36 anos, gerente de logística

bioritmo-desafio-vip

(Vitor Pickersgill/Reprodução)

ANTES DEPOIS
Peso: 87,2 kg Peso: 80,4 kg
IMC: 26 IMC: 24
% de gordura: 32,8% % de gordura: 25,3%
Peso de gordura: 28,6 kg Peso de gordura: 20,4 kg
Peso de massa magra: 58,6 kg Peso de massa magra: 60 kg
Gordura visceral: 105,2 cm3 Gordura visceral: 71,1 cm3
O que diz a nutricionista

A maior redução de gordura de Gustavo foi na região abdominal – a cintura diminuiu 10,1 centímetros. Sofria de apneia e relatou melhora no sono. E pegou gosto por comer vegetais, o que era um sofrimento.


Maurício Ferreira

35 anos, gerente de obra social

bioritmo-desafio-vip

(Vitor Pickersgill/Reprodução)

ANTES DEPOIS
Peso: 125 kg Peso: 106,3 kg
IMC: 36,5 IMC: 31
% de gordura: 28% % de gordura: 19,3%
Peso de gordura: 35 kg Peso de gordura: 20,5 kg
Peso de massa magra: 89,8 kg Peso de massa magra: 85,7 kg
Gordura visceral: 175 cm3 Gordura visceral: 116 cm3
O que diz a nutricionista

Maurício melhorou significativamente os níveis de glicemia e colesterol total – e sem medicamentos. Perdeu muita gordura visceral, a que mais impacta no desenvolvimento das doenças crônicas não transmissíveis.


Luiz Gustavo Bussad

28 anos, coordenador de logística

bioritmo-desafio-vip

(Vitor Pickersgill/Reprodução)

ANTES DEPOIS
Peso: 70,2 kg Peso: 69,5 kg
IMC: 24,29 IMC: 24,05
% de gordura: 15,8% % de gordura: 14,6%
Peso de gordura: 11,1 kg Peso de gordura: 10,1 kg
Peso de massa magra: 59,1 kg Peso de massa magra: 59,4 kg
Gordura visceral: 44 cm3 Gordura visceral: 40,7 cm3
O que diz a nutricionista

Luis Gustavo era o único que já fazia exercícios e estava condicionado, mas queria testar uma nova atividade. Perdeu 1,2% de gordura, reduziu 3,3 cm3 de gordura visceral e perdeu 4 centímetros da região abdominal.


Rafael Pera

35 anos, editor de arte

bioritmo-desafio-vip

(Vitor Pickersgill/Reprodução)

ANTES DEPOIS
Peso 78,6 kg Peso 75,4 kg
IMC 25,69 IMC 24,64
% de gordura 28,5% % de gordura 26,6%
Peso de gordura 22,4 kg Peso de gordura 20 kg
Peso de massa magra 56,2 kg Peso de massa magra 55,3 kg
Gordura visceral 94,7 cm3 Gordura visceral 86,5 cm3
O que diz a nutricionista

Rafael vinha de uma cirurgia no joelho e, com os treinos, fortalecimento e a dieta perdeu 2,4 quilos de gordura e 8,2 cm3 de gordura visceral, o que fez com que a região abdominal reduzisse 4 centímetros e a cintura, 6 centímetros.