Wearables: tecnologia para vestir

Com 40 anos de mercado, a Polar lança operação própria no Brasil e reforça o mercado dos wearables. Conheça outras novidades do segmento

Ter o segundo maior mercado em quantidade de academias do mundo foi o que motivou a Polar, aos 40 anos de existência, a aportar suas operações no Brasil. A marca pioneira em tecnologia de wearables para esporte e fitness aproveita a chegada para lançar, em abril, dois produtos: o M200, um relógio de corrida com GPS e monitor cardíaco, e o M600, um smartwatch multiesportivo com métricas para natação. Assim, com ambição de conquistar entre 25% e 35% do mercado em dois anos, a Polar coloca mais lenha na venda de wearables, que vem crescendo.

Você já deve ter notado o aumento da presença de smartwatches e pulseiras inteligentes em pulsos por aí. Os acessórios fazem muito mais do que contar calorias e passos: eles podem medir a quantidade de gordura do seu corpo e monitorar a qualidade do seu sono. Os wearables foram apontados pelo American College of Sports Medicine como a principal tendência fitness do ano pela segunda vez consecutiva, e ficaram à frente de outras tendências como treinamento com peso corporal e treino intervalado de alta intensidade (o hiit). Segundo um levantamento de 2016 da consultoria Kantar, 8% dos brasileiros declararam usar os relógios inteligentes e 9% disseram usar uma pulseira inteligente. O Brasil é também um dos países que concentram as maiores intenções de compra.

Para o instrutor Philipp Ebert, da academia Les Cinq Gym, em São Paulo, eles não são apenas um acessório: são efetivos mesmo e ajudam na busca constante de aprimoramento. “Com alguns aplicativos, por exemplo, é possível monitorar como foi a noite de sono do aluno e, assim, saber se ele está pronto para a carga de treino que o professor planejou”, diz.


wearables-tecnologia-gadget-vip-1

(Divulgação/Reprodução)

Polo TechShirt

As fibras da camiseta da Polo Ralph Lauren captam frequência cardíaca, quantidade de passos e calorias gastas.


wearables-tecnologia-gadget-vip-5

(Divulgação/Reprodução)

Polar M600

Monitora atividades 24 horas por dia e tem app que cria planos de treinamento e métricas de natação em piscina, como distância e ritmo. R$ 1 699


wearables-tecnologia-gadget-vip

(Divulgação/Reprodução)

Motiv Ring

Apresentado na CES 2017, maior feira de eletrônicos do mundo, é compatível com iOS, à prova d’água e monitora atividade física e sono.


wearables-tecnologia-gadget-vip-1

(Divulgação/Reprodução)

Sensoria Primus by Vivobarefoot

A sola do tênis tem sensores que ajudam a corrigir a passada da corrida. Chega no fim do ano ao mercado.