3 sacadas para mandar bem na primeira noite com ela

Não é preciso ser um mestre tântrico para deixar uma mulher louca de tesão – nem que seja num one night stand. Nossa colunista conta como

img_2994-36_preview

(Jorge Lepesteur)

Tenho ouvido muita gente reclamando de que o sexo anda rápido, superficial e insatisfatório – como, aliás, eu disse na coluna passada, em que contei minha experiência tântrica. Geralmente estão se referindo, claro, ao sexo casual, uma pegação de uma noite (ou algumas). Ou seja, situações que se encontram fora do terreno mais profundo da intimidade. Em um mundo frenético mais preocupado com as redes sociais do que com a vida real, a performance sexual é uma das coisas que acabam sendo mais prejudicadas. Mas você não precisa ser um mestre tântrico ou entrar em alguma espécie de supertranscendência para ser ótimo de cama com uma mulher em apenas uma noite. Aqui, dicas simples & infalíveis para você arrasar num one night stand:

Amamos sexo oral

Isso é fato para a grande maioria das mulheres. Algumas, inclusive, só gozam assim. Então, regra de ouro: antes de tudo começar, se esforce para executar de forma arrasante essa ação. E por um tempo considerável, não apenas rapidinho, de passagem. Um sexo oral bem-feito, ainda mais se levá-la ao orgasmo, vai deixar a mulher completamente entregue, grata e satisfeita, o que melhora tudo dali para frente. E também tira um pouco a sua pressão, aquela noia de ter que ficar segurando depois para não gozar durante a penetração. Claro que cada sexo é um sexo, mas essa é uma boa tática para já começar uma primeira transa mandando bem. Às vezes, vocês focam tanto no pênis e na performance durante a penetração que se esquecem de que mulheres adoram preliminares feitas com calma (repito: com calma).

A preliminar antes da preliminar

Falando em calma, não vá direto ao ponto. Curta os momentos anteriores de carícias, beijos intercalados com papos. Aproveite a hora de tirar a roupa dela, a sua. Não tire como se estivesse num consultório médico se despindo para fazer um exame. Não aja como se tudo isso fosse preâmbulo para o desejado sexo – esse pré já é algo por si só, já é uma preliminar e pode (e deve) ser extremamente sensual. Mesmo se ela quiser apressar, tente você conduzir nesse tempo mais sensual e lento, vá torturando a mulher até deixá-la bem louca de tesão. Essa mistura de perda de controle com dedicação do homem nos dá muito prazer.

Não vá embora sem fazê-la gozar

Alguns homens (e mulheres) ainda têm a visão de que o sexo acaba quando o homem goza. Mas, se não rolou orgasmo para ela no sexo oral, durante a penetração ou de nenhuma outra forma, continue a relação masturbando-a ou a estimulando a se masturbar na sua frente. Fale sacanagens no ouvido, beije seu pescoço, continue no mood da transa e observe-a se tocar até chegar ao orgasmo. Além de ser uma cena bem sexy, você estará garantindo que ela sairá completamente satisfeita com você. Como essa atitude provavelmente não virá dela de modo espontâneo, é legal você induzir o momento. Altruísmo sexual é muito afrodisíaco. Quanto mais preocupado você se mostrar com o prazer dela, mais louca para dar prazer ela vai ficar.

Veja também

Carol Teixeira é filósofa, escritora e autora do livro Bitch (Record). Siga-a: @carolteixeira_

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Façam uma matéria da @camillagimenez

    Curtir