Ferrari lança espécie de “bíblia de Maranello” e cobra R$ 90 mil por peça

Com edições limitadas, o novo Coffee Table Book da escuderia conta com imagens inéditas, todas as vitórias desde 1947 e capa feita à mão

Ferrari Book

 (Taschen/Reprodução)

Contar uma longa história de sucesso nunca é fácil.

Pensando em solucionar essa tarefa sem perder um pingo do requinte avermelhado, a Ferrari resolveu colocar a própria história da escuderia em um livro reluzente e cheio de imagens e relatos incríveis.

As 500 páginas, revestidas por uma capa minimalista em vermelho — que conta apenas com o emblema — narram a linha do tempo da grife automobilística como nunca antes visto.

Ferrari

Além de conteúdos inéditos, fotos preciosas também foram retiradas dos arquivos de Maranello (cidade que abriga o museu oficial).

Logo no início é possível apreciar um apêndice nunca antes visto, reunindo todas as vitórias da Ferrari desde 1947.

A edição de colecionador pode ser comprada por singelos U$ 24 mil (cerca de R$ 93 mil), contando, ainda com as assinaturas der Sergio Marchionne e John Elkann, executivos da Ferrari. 

Limitado a 1.947 cópias no total, cada edição de colecionador (dos números 251 a 1.947) é numerada e assinada por Piero Ferrari, o herdeiro e principal nome da marca. 

A obra vem embalada em uma caixa de alumínio inspirada no motor Ferrari – projetada por Marc Newson.

Para os sortudos, uma alegria a mais.

As edições de 1 a 250 são acompanhadas por uma escultura do motor de 12 cilindros, em aço cromado. 

Não poderíamos esperar menos.

Newsletter Conteúdo exclusivo para você