Carros & Motos

Leilões milionários: 5 veículos icônicos que movimentam o mercado em 2018

(Uncrate/Reprodução)

Ser famoso tem lá seus benefícios.

Sucesso, carinho dos fãs, viagens internacionais e, claro, largas fortunas.

Ainda que muitas celebridades sejam discretas e comedidas, outras (a grande maioria) adora desfilar possantes incríveis por aí.

Quando o modelo não serve para ficar na coleção e bate a vontade de trocar de carro, muitas vezes, acaba em algum leilão milionário.

Listamos as máquinas mais incríveis, já vendidas ou ainda à venda, para você ver – ou tentar seu lance, se tiver sorte e um bom cartão de crédito.

 

Os que estão no páreo…

 

1. Lamborghini de Rod Stewart

(Uncrate/Reprodução)

A lenda do rock-n-roll tem sido um dos melhores clientes da marca desde que chegou à fama no final dos anos 60.

Stewart é quase um sommelier do escuderia: possuiu quase todos os novos modelos que a empresa produziu, incluindo vários exemplos do clássico Miura.

O músico comprou o carro em 1970, depois o repassou.

(Uncrate/Reprodução)

Uma década mais tarde, o veículo foi modificado para SV, antes de chegar às mãos do atual proprietário.

Hoje, restaurado e intacto, pode ser arrendado por nada mais nada menos do que US$ 1,8 milhão (cerca de R$ 6,8 milhões).

 

2. Modena GT Spyders de “Curtindo a vida adoidado” 

(Uncrate/Reprodução)

Há mais de 30 anos, uma Ferrari clássica era muito rara e cara para se destruir em um filme.

Por isso, a maioria das cenas da Ferrari na década de 80 do clássico filme foi filmada com três Modena GT Spyders, construídos pela empresa na Califórnia.

O terceiro dos três Modenas foi restaurado por Neil Glassmoyer, um dos fundadores da Modena Design.

(YouTube/Reprodução)

Com bela carroçaria de fibra de vidro e um V8 com quatro carburadores Weber, o “protagonista” pode ser seu por lances entre U$ 200 mil e U$ 300 mil (entre R$ 760 mil e  R$ 1,14 milhões).

 

3. Uma das primeiras Harley-Davidson da história

(Cool Material/Reprodução)

Harley-Davidson é quase sinônimo de moto de qualidade.

Um dos modelos que ajudou a marca a dar início a esse legado impecável no século vinte é a 11K.

Datada de 1915, é um dos primeiros exemplares de corrida construída com um motor com portas de respiro aberto nos cilindros, um carburador da Schebler de corrida plana e absolutamente sem freios, engrenagens ou suspensão.

(YouTube/Reprodução)

Ainda que não seja seguro para usar por aí (afinal, é “só” um século de distância dos modelos atuais), é uma verdadeira relíquia.

Por conta do ótimo estado de conservação, a moto ganhou o Greenwich Concours d’Elegance de 2017 da Most Outstanding Machine.

E está à venda por lances entre U$ 50 mil e U$ 60 mil (entre R$ 190 mil e R$ 230 mil).

 

Demorou demais!

 

4. O verdadeiro Papamóvel

(Uncrate/Reprodução)

Vendido por sonoros € 809.375 (cerca de R$ 3,5 milhões), o Lamborghini  Huracan branco perolado assinado pelo Papa Francisco fez sucesso em 2018. 

Claro, o possante sequer foi guiado por vossa santidade.

(Uncrate/Reprodução)

O carro foi leiloado e todo dinheiro foi revertido para ações de caridade.

Modelo único e exclusivo, o Papamóvel com certeza terá toda a benção contra possíveis acidentes, pneus furados, revisões…

 

5. McLaren de Ayrton Senna

(Uncrate/Reprodução)

Em 1993, Senna era o melhor piloto do mundo .

Na temporada daquele ano, o multicampeão se despediria da McLaren antes de se dirigir a Williams.

Para preservar a memória de Senna, que faleceria no ano seguinte à saída da escuderia, o carro usado chegou a ir a leilão em 2018.

(YouTube/Reprodução)

Tudo isso com o mesmo chassi e motor usado no Grand Prix de Mônaco.

O “azar” (caso você tivesse a intenção de comprar) é que o carro da Fórmula 1 já foi vendido por R$ 18,4 milhões. 

Pouca coisa?

 

Newsletter Conteúdo exclusivo para você