Como harmonizar 5 petiscos de boteco com vinho

Sommelier prova que a bebida vai bem com qualquer prato

 

Vinhos

 (wotwine/Reprodução)

Com o objetivo de mostrar que vinho não é bebida só para prato e ocasião sofisticados, o sommelier e especialista em harmonizações Rodrigo Bertin, criador do projeto Vinho Mais, mostra como combinar cinco comidas típicas de boteco com algumas opções da bebida.

 

Torresmo

 (Veja São Paulo/Reprodução)

Como o torresmo é um prato com bastante gordura, a melhor opção para combinar com ele seria um vinho capaz de “quebrar” essa gordura, mas também ter estrutura para se equiparar ao sabor do prato.

Portanto vinhos tintos mais encorpados funcionariam melhor, como os feitos com as uvas Cabernet Sauvignon e Shiraz.

 

Escondidinho de Carne Seca

 (Reprodução/Divulgação)

Esse clássico prato, muito famoso em barzinhos espalhados pelo Brasil, é cremoso e de sabor equilibrado.

Apesar de a carne seca ser um ingrediente bastante forte, o purê que vai por cima ameniza essa potência.

Portanto, um vinho tinto de potência média casaria perfeitamente, como o de uvas Carmenère e Malbec.

 

Tulipa de Frango Frita

 (Reprodução/Divulgação)

Essa é uma porção clássica que também pode ser feita com a coxa do frango. Aqui encontramos gordura e nível médio de potência de sabor.

O ideal éa um vinho tinto leve ou médio corpo, que limparia a gordura da boca e ficaria compatível ao sabor do frango, como o das uvas Pinot Noir e Merlot.

 

Tábua de Carnes

Carnes

 (Felipe Gombossy/Reprodução)

Geralmente esse prato leva uma mistura de carnes (boi, porco e frango) e também é acompanhado de batatas e/ou mandiocas fritas.

Por essa mistura de pesos dos ingredientes utilizados, uma boa opção para funcionar como “coringa” nessa harmonização seria um espumante brut branco ou rose.

Porém para quem não abre mão de um vinho tinto, também poderia ser utilizado um tinto de médio corpo, como o das uvas Tempranillo ou Primitivo.

 

Isca de Peixe

 (Reprodução/Divulgação)

Essa porção é a mais leve de todas e, por conta disso, utilizaremos com ela também vinhos mais leves como um branco da uva Chardonnay ou então um vinho rosé.

Um bom e gelado espumante brut também combinaria muito bem nesse caso.