Como surgiu

Conheça a origem do sanduíche e de seus principais ingredientes

sanduiche

Maionese

Em 1756, o duque de Richelieu foi enviado ao local pelo rei Luis XIV para desalojar os ingleses no porto de Mahon. Proibido de usar fogo para não despertar a atenção do inimigo, o cozinheiro fez um molho frio com o que tinha: ovos, sal e azeite. Batizou de mahonnaise, referência à cidade. Afrancesada, virou mayonnaise.

Ketchup

No século 17, marinheiros holandeses importaram da China o Ketsiap, salmoura para peixes à base de soja, sal e vinagre. A mistura foi mudando até chegar ao molho temperado muito usado por ingleses e americanos (e brasileiros!). Há variações no mercado, mas a receita mais comum leva tomate, sal, açúcar, pi­­menta e outros condimentos.

Mostarda

Os romanos misturavam a semente com o suco de uva não fermentado para fazer vinho. Daí, aliás, a origem da palavra, do latim mustum ardens (vinho que arde). Na Índia e na Dinamarca, as sementes eram jogadas ao redor da casa para afugentar maus espíritos. Os chineses as tinham como afrodisíaco. Já o molho como o conhe­cemos hoje saiu da cozinha dos franceses na Idade Média, que moíam as sementes de mostarda com sal, vinagre e pimenta.

Hambúrguer

No fim do século 18, tribos nômades da Ásia picavam e temperavam carne bovina para que durasse mais. A receita pegou carona em navios alemães que faziam a rota do Báltico. No século seguinte, esse jeito de comer carne partiu de Hamburgo para a América, onde desembarcou como hamburg style steak. No Brasil, o maior responsável pela popularização do hambúrguer foi a rede Bob’s, que inaugurou sua primeira loja em 1952, no Rio.