Desconecte-se e seja mais feliz

Quantas horas por dia você fica na frente do computador? E quantas conversas interrompe devido a um e-mail urgente no smart­phone? A internet, que deveria poupar nosso tempo, está roubando o pouco que ainda temos. Há dez anos, tudo o que queríamos era um método mais rápido de resolver nossos problemas. Hoje, quando interrompemos o almoço de domingo para resolver algo do trabalho, amaldiçoamos os meios de comunicação.

Tem gente que, inclusive, defende que precisamos nos desconectar para ser mais felizes e inteligentes. O jornalista americano Nicholas Carr, especialista em tecnologia e autor do livro A Geração Superficial – O Que a Internet Está Fazendo Com os Nossos Cérebros, afirma que ler tanto na internet está nos deixando mais rasos e com menor capacidade de pensamento crítico. Por isso, a solução é dar uma desligada. Sele­cio­namos cinco lugares para você ter momentos de tranquilidade e meditar. Apesar de eles também terem algum tipo de conexão online (hoje em dia quem não tem?), a ideia é deixar suas “armas” (computadores, telefones e tablets) trancadas numa gaveta.

Lapinha SPA
Lembra quando sua mãe falava que você precisava comer sempre no horário certo e dormir o tempo necessário para o seu corpo descansar? Ela estava certa. Adquirir o hábito de ter um horário para almoçar, longe do computador e com calma, é uma das coisas que você pode fazer para ter uma vida mais saudável. A Lapinha SPA, a 115 km do aeroporto de Curitiba, tem programas para ensinar ao hóspede a organizar os horários biológicos.

O que é oferecido: onze programas prometem desintoxicar o corpo e ajudar a relaxar. Terapias de antitabagismo e emagrecimento são algumas das opções oferecidas. Os programas incluem massagens, caminhadas, aulas de tênis, natação e culinária, além de acompanhamento médico.

Alimentação: se você é daqueles que não conseguem viver sem carne, vai sofrer um pouco na Lapinha. A alimentação é orgânica e vegetariana. A única proteína permitida são as contidas em ovos, leites e derivados.

O que pode e não pode: esqueça qualquer drinque. O Wi-Fi fica ligado das 6h da manhã às 21h30, mas nem pense em acessar a internet. Há sinal de celular. Quanto: R$ 5 390 (sete dias) Tel.: (41) 3622-1090

Mosteiro Zen Morro da Vargem
O negócio é quase tibetano. Localizado em uma reserva ambiental da Mata Atlântica próxima ao litoral do Espírito Santo, o Mosteiro Zen faz retiros em todos os feriados nacionais. Neles, as pessoas aprendem a meditar e a relaxar – e o mais bacana: a utilizar isso no dia a dia.

O que é oferecido: o mosteiro tem um programa diário que se inicia bem cedo, às 4h30. Durante o dia, são feitas sessões de meditação, com pausas para descanso, refeições e passeios individuais pelo local.

Alimentação: você mete a mão na massa e faz a sua própria comida, sem o consumo de carnes. Todas as refeições têm horário marcado e
devem ser realizadas em conjunto.

O que pode e não pode: álcool não pode nem uma gota. Bermudas só devem ser usadas nas caminhadas – e deixe suas camisetas regata em casa. Celular pega só no fim de uma trilha de 460 m, mas o local tem Wi-Fi.

Quanto: R$ 550 (quatro dias) Tel.: (27) 3257-3030


Krishna Shakti Ashram

A ideia aqui é você se desligar completamente do mundo. Nos quartos não há frigobar, televisão ou telefone. Celular não pega no Ashram e internet,  só na recepção. O local, que fica a 30 km de Campos do Jordão (SP), é para quem quer relaxar e esquecer que na segunda-feira precisa trabalhar.

O que é oferecido: o dia ideal no Ashram começa logo cedo. Depois de um banho de água mineral, participe da ioga no templo e de uma das caminhadas.

Alimentação: nenhum tipo de carne e ovos entra no cardápio. Proteína, só de queijos e leite. Cereais, frutas e hortaliças compõem as refeições que têm o intuito de desintoxicar o hóspede.

O que pode e não pode: é permitido beber e ficar com a sua namorada no quarto. Só no quarto – nem pense trocar uns amassos ou tomar álcool
no restaurante. Fumar pode lhe render uma multa de R$ 250.

Quanto: a partir de R$ 400 a diária Tel.: (12) 3663-3168

Hotel Ponto de Luz
Em Joanópolis (SP), a 115 km de São Paulo, o hotel é também um spa holístico, com terapias e atividades coletivas. Três pacotes estão disponíveis para você escolher qual o seu corpo precisa mais: lazer, relaxante ou saúde. Para complementar, o local oferece workshops de culinária e caminhada por trilhas.

O que é oferecido: massagens para combater o stress e banhos são as principais terapias do Ponto de Luz. Atividades coletivas, como caminhadas matinais, vivência corporal e meditação, são opcionais.
Alimentação: peixes e aves fazem parte do cardápio. Saladas e sobremesas feitas à base de mel estão incluídas na refeição.

O que pode e não pode: você até pode beber cerveja e vinhos, mas o hotel dá preferência e recomenda o consumo dos sucos naturais. O celular não pega lá, mas tem Wi-Fi.

Quanto:
a partir de R$ 359 a diária Tel.: (11) 4539-9358

Centro Montanha Encantada
O local recebe pessoas para terapias apenas quando cursos estão sendo ministrados. Por isso, se quiser se hospedar lá, é preciso checar uma das datas disponíveis. O centro fica em Garopaba, Santa Catarina.

O que é oferecido: o centro de terapias ayurvédicas dhanvantari tem diversos tipos de massagem com óleos e ervas e uma sauna para terapia a vapor.

Alimentação: sem ovos e carnes, no café da manhã, almoço e jantar são servidos frutas, hortaliças e legumes. Também entram no cardápio pães, bolos e tortas que foram feitos no próprio centro.O que pode e não pode: álcool, nem pensar. Celular, só se você conseguir achar um sinal – o que é difícil. Mas Wi-Fi tem no centro todo.

Quanto: sob consulta, porque depende do curso Tel.: (48) 3254-2112