Descubra que tipo de ciumento você é e o que fazer a respeito

Redes sociais trazem à tona um fato indiscutível: estamos todos fadados a levar um par de chifres. Mas... que tipo de ciumento é você?

 (Pinterest/Reprodução)

Há quem não reconheça, mas o ciúme ronda nossa vida amorosa.

Em tempo de redes sociais e zilhões de possibilidades de troca de mensagens, cada vez fica mais difícil saber o tênue limite entre amizade e flerte.

Sim, estamos todos fadados a tomar um par de chifres, e reconhecer isso é começar a encarar a realidade. Veja abaixo que tipo de ciumento você é (ou não) e o principal: o que pode fazer a respeito.

O sombra

Como não acredita na fidelidade da sua garota, o sombra vive rondando a vida dela.

Liga várias vezes para saber onde ela está, faz perguntas para checar a verdade, repara em como ela se veste e fala com os outros.

Sempre à espreita, aguardando o momento de tornar verdadeira a sua suspeita.

O sombra quase sempre tem histórico de traição, é inseguro e pessimista. Aproxima-se de mulheres expansivas e bonitas, que alimentarão sua fantasia de ser passado para trás.

#Dica: foque na sua vida, em seu corpo e mente, busque desenvolvimento profissional e pessoal.

Tenha amigos e saia com eles. Você precisa “se achar”, querido. É por admirá-lo — e não porque ele a perturba — que uma mulher pode desistir de trair seu macho.

O machista

 (Pinterest/Reprodução)

Porque ele acha que só existem dois tipos de mulheres no mundo: as iguais à santa mãezinha e as vagabundas.

E, porque ele traiu todas as namoradas na vida, fica ameaçando, fazendo piadinhas e trocadilhos engraçadinhos.

Além disso, joga a desconfiança na mulher para desviar a atenção da própria traição.

Costuma unir-se a mulheres aparentemente passivas.

No entanto, apaixona-se pelas sensuais e extrovertidas.

#Dica: já passou da hora de perceber que as mulheres são seres dotados de inteligência, sensibilidade e astúcia.

Dobre-se diante da igualdade de gênero e deixe de ser um ogro cretino!

O invejoso

 (Pinterest/Reprodução)

O que incomoda não é o fato de todos olharem quando ela anda, sorri ou conversa, mas sim o fato de que ela desperta empatia e alegria nos outros — e você não.

Ela tem o que você não tem: amigos, admiração, sensualidade. A inveja é gêmea do ciúme e é por isso que você fica de cara feia quando ela está se esbaldando, encrenca com os amigos dela, diz que é exagerada.

Vai por mim: no final, ela vai se encher e largar você.

#Dica: em vez de maldizer o comportamento de sua mulher, melhore o seu.

Se você é tímido, reservado, e não acredita no próprio potencial, sugiro que busque cursos de comunicação, verbal e não-verbal.

Pode ser teatro, circo, oratória. Aprofunde-se em algum tema legal, como vinho, cinema, literatura, arte, futebol, cerveja, qualquer coisa.

E mostre a si mesmo, e aos outros, que pode ser um cara muito interessante.

O zelador

Você até pode sentir ciúme, mas não arranca os cabelos porque a sua namorada sai com as amigas e tampouco fica ligando enquanto ela está lá.

No entanto, quando percebe que a moça anda muito saidinha ou está se afastando emocionalmente, uma luz acende.

A palavra ciúme vem do latim, zelumen, que significa zelo, cuidado. Sim, você é um zelador.

#Dica: dê uma incerta de quando em vez, para mostrar que está antenado.

Além disso, demonstre que você é o cara, quebrando a rotina e surpreendendo a sua mulher.

Uma noite quente, uma viagem divertida, a realização de um desejo dela. Não espere pegar fogo no prédio, querido. Fique atento à fiação!

Newsletter Conteúdo exclusivo para você
E-mail inválido warning
doneCadastro realizado com sucesso!