Hora de se mexer

Escritório brasileiro do Google lançou o Joga+1, uma espécie de rede social que coloca pessoas com interesses esportivos parecidos em contato. Iniciativa reforça tendência conhecida como O2O, que oferece algo no mundo virtual para que o usuário se aventure no mundo real

Uns dias atrás, o escritório brasileiro do Google lançou a plataforma Joga+1, uma espécie de rede social que coloca pessoas com interesses esportivos convergentes em contato. Bem, em linhas gerais, é mais ou menos isso.

Funciona assim: o usuário escolhe uma das 24 modalidades disponíveis — que vão desde os tradicionais vôlei e basquete até os menos ortodoxos, como slackline e le parkour — e a região onde quer praticar. O Joga+1 faz todo o trampo e, com base no banco de dados do Google Maps, mostra os grupos de atividades de seu interesse disponíveis.

Se não houver nenhum grupo praticando o que você quer, anime-se! Você pode se tornar o feliz e voluntarioso fundador de um grupo de corrida, ou de uma pelada, ou de tai chi chuan, e por aí vai.

joga+1

A ferramenta foi lançada com 250 atividades em todos os cantos do país, mas já há milhares de cadastros. Além disso, ela mostra parques e praças da cidade aptas a receber práticas esportivas. Para participar, é preciso uma conta no Google, claro, pois funções como o chat e a formação de grupos são realizadas via Google+.

A ideia do Google é fazer as pessoas usarem seus sistemas para encontrar coisas bacanas na web, largar o computador ou o celular e viver a “vida real”. Isso faz parte de uma tendência tecnológica conhecida como O2O, do inglês “Online to offline”. Em outros termos, o O2O é basicamente oferecer algo no mundo virtual e fazer o usuário buscar no mundo real, coisa que o Google tem feito em projetos recentes, como o Ingress — um jogo em que é preciso ir até determinado local para fazer coisas e somar pontos — e o Color+City, plataforma que coloca artistas de rua em contato com pessoas que queiram ceder seus muros e paredes para serem pintadas.

As iniciativas de O2O do Google têm um objetivo claro: socializar. Por trás dessa tendência está a teoria de que estamos tão imersos no mundo digital que sentimos a necessidade de fugir dele, ou pelo menos usá-lo como trampolim para uma vida menos virtual. Com o Joga+1, cujo próprio nome estimula a socialização, o Google quer fazer todo mundo achar lugares legais perto de casa ou do trabalho e se juntar a mais pessoas que querem a mesma coisa. Ou seja, é utilizar a tudo o que temos de tecnologia ao nosso dispor para explorar melhor o nosso meio.

Por ora, fim de papo. Clique aqui e comece a buscar os grupos do seu interesse nos seus locais preferidos. Precisa de inspiração? Então veja o vídeo feito para divulgar o projeto.