A evolução (ou não) do homem na TV

Pesquisamos como as séries retrataram o macho de cada época. E o retrato não é muito bonito

1. Magnum, 1981*

Thomas Magnum (interpretado por Tom Selleck)

tom-selleck-magnum-ferrarijpg

 (NBCUniversal Television/Divulgação)

Maior talento: Gastar o mínimo de energia possível no trabalho (resolver crimes) e usá-la para divertir-se no Havaí, onde mora e pilota uma Ferrari.

Visual: Bigodón e camisa florida de manga curta.

Estilo de vida: Bon vivant.

Caráter: Sangue bom, um americano quase carioca.

Mulheres: Solteirão convicto, vive cercado delas.


 

2. Profissão Perigo, 1987

MacGyver (interpretado Richard Dean Anderson)

macgyver

 (Reprodução/Divulgação)

Maior talento: Transformar barbantes, clipes, chicletes e chocolates em artefatos capazes de salvar vidas – ou até o mundo.

Visual: Mullet e jaqueta de couro.

Estilo de vida: Arriscado.

Caráter: Menino de ouro.

Mulheres: Demonstra mais interesse por seu canivete suíço do que por elas.


 

3. Um Amor de Família, 1994

Al Bundy (interpretado por Ed O’Neill)

al bundy

 (Reprodução/Divulgação)

Maior talento: Ridicularizar a própria família, já ridícula o bastante.

Visual: Cerveja na mão e roupa de supermercado.

Estilo de vida: Mora no sofá.

Caráter: Preguiçoso e sarcástico.

Mulheres: Manifesta total desprezo pela esposa e pela filha — aliás, um mulherão.


 

4. Seinfeld, 1999

Jerry Seinfeld (interpretado por ele mesmo)

Seinfeld

 (Reprodução/Divulgação)

Maiores talentos: Interpretar a si mesmo (o personagem é um comediante) e envolver-se em situações surreais.

Visual: Camisa de botão, jeans e tênis de corrida.

Estilo de vida: Enrolado em todos os aspectos — relacionamentos, trabalho, amigos e desafetos.

Caráter: Cerebral e meio escrotinho.

Mulheres: Pega até a faxineira, mas é incapaz de manter um namoro.


 

5. Two and a Half Men, 2007

Charlie Harper (interpretado por Charlie Sheen)

Charlie-Sheen-bday

 (Reprodução/Divulgação)

Maiores talentos: Enrolar Mulheres – e compor jingles simplórios que lhe garantem grana o bastante para manter uma casa em Malibu.

Visual: Camisa polo, bermuda e tênis.

Estilo de vida: Sexo, álcool e jingles publicitários.

Caráter: Amoral.

Mulheres: Pega todas e mais algumas. É um desastre emocional e põe culpa disso na mãe, uma criatura tão ou mais amoral que ele.


 

6. Breaking Bad, 2010

Walter White (interpretado por Bryan Cranston)

white breaking-bad

 (Reprodução/Divulgação)

Maior talento: Usar o conhecimento em química para produzir droga de pureza inédita.

Visual: Começa com penteado e roupas caretas e termina como um gângster de cabelo raspado, cavanhaque e chapéu-coco.

Estilo de vida: Na primeira temporada, é um professor preocupado com família; na última, um bandido cruel.

Caráter: Não tem.

Mulheres: Vive para manter a ex-mulher sob seu domínio. De resto, não pega nada.


 

7. Mad Men, 2013

Don Draper (interpretado por Jon Hamm)

jon-hamm-as-don-draper

 (Reprodução/Divulgação)

Maior talento: Manipular amantes, consumidores, clientes e colegas da agência de publicidade.

Visual: Elegante, talvez o personagem mais elegante da história da TV.

Estilo de vida: Workaholic.

Caráter: 100% cafajeste, 200% amargurado.

Mulheres: É incrivelmente competente em conquistar novas presas, porém fracassa como ninguém na tarefa de administrar esses relacionamentos


 

7. Master of None, 2017

Dev Shah (interpretado por Aziz Ansari)

master-of-none-759

 (Reprodução/Divulgação)

Maior talento: senso de humor (ele é comediante na série também) que vai do infantil ao genial — as piadas tem o estereótipo da indústria do entretenimento.

Visual: Se veste como um novaiorquino moderninho, abusando das estampas. Mescla peças que parecem ter saído de um brechó com outras vindas direto de algum editorial de moda.

Estilo de vida: Ele luta para encontrar um emprego fixo, mas, quando encontra, se vê infeliz e desiste de tudo. No final, mais um comediante confuso.

Caráter: É adepto ao politicamente correto, mas tem medo de se posicionar contra um amigo abusador.

Mulheres: Um apaixonado, daquele que não larga o osso.

* Os anos mencionados não são necessariamente os da estreia das séries