Britânico descobre gravações raras dos Rolling Stones em seu sótão

Jeremy Nielsen tinha nove raridades da banda e só soube disso após ler a biografia de Keith Richards

Antes nunca antes ouvida, a música No One Love You More Than Me, junto a outras oito canções dos Rolling Stones, foi descoberta por Jeremy Nielsen quase 50 anos após suas gravações. O britânico, hoje aos 67 anos de idade, encontrou a fita de 17 minutos aos seus 19 anos, quando visitou o estúdio próximo a uma das casas de transmissão da BBC com a permissão de levar as gravações para casa, já que as mesmas continham demos que seriam descartadas. Além disso, a raridade está acompanhada pelos hits As Tears Go ByCongratulations, sendo que a segunda é uma das primeiras composições da dupla Mick JaggerKeith Richards.

  (Créditos: Telegraph UK)

(Créditos: Telegraph UK) (/)

O mais estranho é que o dono nunca ouviu-as e simplesmente colocou-as em uma caixa, local que as mesmas permaneceram até então. Ele só percebeu a importância das canções quando leu a autobiografia de Keith Richards (o livro Vida) cerca de dois anos atrás, no qual o músico comenta sobre a gravação de sua banda na época. Além disso, os próprios membros dos Stones ficaram animados com a ideia de ouvir a música pela primeira vez em mais de 50 anos. Nielsen diz que “das três fitas, duas eram programas da BBC e uma era a gravação dos Rolling Stones”, percebendo a raridade do tesouro que era seu há anos.

VEJA TAMBÉM:

“Me impressiona o fato de não saber o que era naquela época […] depois de ouvir [à fita] eu procurei pela ‘No One Loves You More Than Me’ e descobri que não aparece em nenhum lugar, como se não existisse”, ele completa. Uma das outras músicas, a As Tears Go By, não conta com o arranjo de instrumentos de corda, como a versão originalmente lançada em 1965. Jagger e Richards escreveram-na sob pressão do agente do grupo, Andrew Loog Oldham, destinada à Marianne Faithfull (amiga do vocalista) que apresentava-a como um cover no estilo “pop barroco” (o atual pop inglês).

Na esperança de conseguir um comprador, Nielsen ainda declara que a fita soa excelente mesmo após décadas. “Eu só quero encontrar um bom lar para ela, de preferência alguém que tenha muito dinheiro. A última coisa que quero é que os bootleggers [criminosos] consigam-na”.

Abaixo, a única e exclusiva apresentação surpresa dos Stones em um show de Muddy Waters: