LP: Os Afro-Sambas comemoram 50 anos e ganha reedição

Os Afro-Sambas, álbum feito em parceria por Vinicius de Moraes e Baden Powell comemoração 50 anos

Um dos discos mais importantes da história da música popular brasileira ganha uma reedição em vinil em comemoração a seus
50 anos.

Foto: Divulgação Foto: Divulgação

Foto: Divulgação (Foto: Divulgação/)

É Os Afro-Sambas, álbum feito em parceria pelo poeta Vinicius de Moraes e o violonista Baden Powell, que se tornou raríssimo porque só teve uma prensagem brasileira, em 1966, lançada pelo selo Forma (nos últimos dez anos, saíram edições em CD no Japão e no Reino Unido). Os dois tiveram a ajuda do grupo vocal feminino Quarteto em Cy e de uma orquestra com regência do maestro Guerra Peixe.

O conceito do LP é a união de instrumentos e sons caracteristicamente africanos ao samba de roda bem estruturado por Baden, com o complemento dos vocais bem pessoais de Vinicius, o letrista maior da bossa nova. A faixa de abertura, Canto de Ossanha, é um hino da MPB – e, curiosamente, tem a participação da atriz Betty Faria nos vocais de apoio.

O relançamento em vinil de 180 gramas terá apenas 1 500 cópias e a realização é do Noize Record Club, um “clube do vinil” para colecionadores e apreciadores de boa música de ontem e de hoje. Em pré-venda no noize.com.br, tem a entrega dos discos aos compradores prevista para começar na segunda quinzena de novembro. O Preço sugerido é de R$98.