Para aplaudir de pé: Wânia é um charme só

Wânia foi descoberta quando passeava nas ruas de São Paulo

Guarde na memória este olhar discreto e o corpo lapidado: talvez você veja Wânia Rangel em um filme mais cedo do que pensa. Formada em relações públicas pela USP, foi descoberta quando passeava nas ruas de São Paulo. Seu charme e beleza atraíram o interesse de agências de modelos e posteriormente de atriz. Atuar sempre foi o sonho de infância. Agora, aos 30 anos, busca focar na sétima arte. Se nesta página já está demais, imagina na telona!

Foto: Vitor Pickersgill

Em quem você se inspira na carreira?

Eu gosto muito da Meryl Streep, pelo trabalho incrível de composição de personagem. Também acho lindas e boas profissionais a Penélope Cruz e a Natalie Portman.

VEJA TAMBÉM:

O que gosta de fazer nas horas de lazer?

Além de ir ao cinema e ao teatro, costumo praticar esportes. Na época de faculdade, jogava handebol. Hoje, prefiro fazer ginástica funcional e também musculação.

Como um homem deve se vestir?

Na moda, menos é mais. Gosto de caras que usam cores mais discretas. Um estilo mais despojado é melhor, nada muito careta.

E o que ele precisa saber no sexo?

Tem que lembrar sempre que os dois estão compartilhando o prazer. É um momento de troca. Óbvio que o sexo não precisa focar só na mulher, mas o homem não pode se esquecer dela.