Destilaria subterrânea é a nova casa da gigante escocesa The Macallan

Foram investidos 500 milhões de libras esterlinas na marca e a expectativa é dobrar o número de visitantes no primeiro ano de abertura

Construção da nova destilaria Macallan Construção da nova destilaria Macallan

Construção da nova destilaria Macallan (Reprodução/Divulgação)

Casa do single-malt mais desejado do mundo desde 1824, Easter Elchies recebe a nova destilaria The Macallan, com inauguração prevista para o próximo dia 2 de junho.

A Edrington investiu 500 milhões de libras esterlinas na marca, dos quais 140 foram dedicados a edificação. O restante será direcionado para a produção e armazenagem dos uísques, e particularmente, nos barris de carvalho envelhecidos com jerez produzidos pela marca.

Construção da nova destilaria Macallan Construção da nova destilaria Macallan

Construção da nova destilaria Macallan (Reprodução/Divulgação)

Essa é a primeira destilaria em Speyside criada por um escritório de arquitetura aclamado globalmente. A Rogers Stirk Harbour + Partners, que fez o projeto do aeroporto Madri-Barajas foi escolhida para conduzir o projeto depois de uma concorrência internacional.

Com o objetivo de não interferir na paisagem cuja área verde é protegida, a destilaria é subterrânea e apenas uma parte fica na superfície.

O teto é uma impactante peça da arquitetura contemporânea, com grandes ondas similares às antigas colinas escocesas e cobertas por grama verde e permitindo a entrada de luz natural.

Construção da nova destilaria Macallan distillery

Os materiais naturais – pedra local, madeira e o telhado vivo de prado – bem como o design paisagístico não só evocam o ambiente e os ingredientes da produção de uísque, como também servem para proporcionar uma viagem atmosférica ao visitante.

Construção da nova destilaria Macallan Construção da nova destilaria Macallan

Construção da nova destilaria Macallan (Reprodução/Divulgação)

Anunciada em 2012, a construção foi realizada pela Robert Construction e envolveu 25 empreiteiros e mais de 400 especialistas de 20 diferentes áreas no local.

As obras iniciaram em dezembro de 2014 e o primeiro uísque percorreu os alambiques em dezembro do ano passado. As portas serão abertas para os apaixonados fãs da marca dia 2 de junho.

A expectativa é dobrar o número de visitantes no primeiro ano de abertura e que o crescimento continue nos seguintes.

A nova destilaria permitirá também o aumento de até um terço na produção de The Macallan. Os novos alambiques
foram fabricados pela caldeireira escocesa Forsyths, que vem produzindo os distintos e “excepcionalmente pequenos” alambiques para a The Macallan desde os anos 1950.

Para Ian Curle, CEO da Edrington, a ocasião é emocionante para o grupo e para The Macallan. “É um investimento autêntico, permanente e ambicioso que irá corresponder às expectativas do consumidor para as futuras gerações. Quando as portas abrirem em junho, esperamos que essa nova aposta The Macallan traga benefícios significativos para a indústria do turismo, as exportações de uísque escocês e a economia ”, comenta.

A nova destilaria em números:

  • £140m de investimento e criação de 60 novos empregos
  • Durante a construção, mais de 400 especialistas em 20 diferentes áreas trabalharam no local
  • O projeto levou 3 anos e 6 meses para ficar pronto (Dezembro de 2014 – Maio 2018)
  • O teto é uma das mais complexas estruturas no mundo, com 1800 vigas simples, 2500 diferentes elementos e 380 mil componentes sendo que quase nenhum é igual a outro.
  • A nova destilaria permitirá um aumento na produção de The Macallan em aproximadamente 1/3.