Fantasy

ELAS QUE SÃO A FANTASIA

NESTE ANO CHEGA A 13ª EDIÇÃO DE UM DOS GAMES MAIS FAMOSOS DO MUNDO, O FINAL FANTASY, E JUNTO COM ELE AS DELICIOSAS GAROTAS DIGITAIS. POR FERNANDO GUEIROS

A série Final Fantasy é a quarta mais rentável da história do videogame. Desde 1987 foram arrecadados 80 milhões de dólares, sem contar filme, camisetas e outros produtos. Em 2001 o sucesso ciberpunk ficou por conta do longa-metragem Final Fantasy: The Spirits Within (o primeiro 100% digital a retratar humanos), e nos anos seguintes o estouro de vendas foi registrado pelas “novas” plataformas, como games portáteis e celulares. Dá para imaginar o que os japoneses da Square Enix, produtora do FF, estão fazendo?

Sim, estão rindo à toa, mas, além disso, eles anunciaram no ano passado o Final Fantasy XIII, que está (quase) sob sigilo nos computadores da empresa nipônica. Até o momento sabe-se que o lançamento será uma compilação de três jogos, chamada Fabula Nova Crystallis, e contará com três games lançados simultaneamente – dois para PlayStation 3 e um para celular. São eles o Final Fantasy XIII, o Final Fantasy Versus XIII e o Final Fantasy Agito XIII (este último para celular). Os três se passam no mesmo universo, mas com personagens e histórias diferentes.

O ambiente futurista promete ser a estrela do jogo, mas, convenhamos, o que sempre rouba a cena são as deusas digitais desenhadas pelos programadores da Square Enix. Como pode? São binárias, porém extremamente maravilhosas!