Cabelo, Barba & Corpo, Saúde & Fitness

Como cuidar da saúde e da aparência do seu pênis no dia a dia

(Ask Men/Reprodução)

Uma das partes mais importantes da vida do homem é o pênis.

Porém, ele não tem o mesmo nível de cuidado e atenção do que a barba, por exemplo.

Ainda que saibamos das precauções durante o sexo (pois é, só pensamos nisso) como o uso de camisinha, atenção ao seu membro não se resume a isso.

Vamos revisar algumas dicas importantes para estender esses zelos de higiene à rotina.

 

Limpeza além do básico

(Above Average/Reprodução)

Além da tradicional depilação com gilete, usar cera também pode ser bem inteligente.

 

Os prós:

  • Aumenta a higiene
  • É “mais bem apresentado” e pode ser sexualmente estimulante
  • Pode aumentar a sensibilidade durante o sexo
  • Facilita o exame de pele (o que você mesmo faz e que pode detectar doenças)
  • Pode ser uma diversão feita a dois
  • Pode dar uma impressão de que as coisas são maiores.

Contras:

  • Processo dolorido (cera)
  • Pode causar irritação (cera)
  • Pode causar nova infecção ou espalhar uma já existente

 

No entanto, os dois tipos de depilação podem causar irritação ou foliculite, sendo razão para infecções, herpes genital e até outras doenças bacterianas.

E a intenção é ter saúde, não capricho estético.

Se você quer evitar as duas formas de tirar o pelo, uma leve aparada com um cortador elétrico pode ser uma boa.

Outra dica válida é evitar produtos com muita química, até porque é uma região muito sensível.

 

Sabão para os países baixos?

(Pinterest/Reprodução)

Não adiante pesquisar no Google: de fato, não existe algo específico para usar lá.

É uma região sensível (esperamos que você não se esqueça disso) e, por essa razão, não adianta usar produtos cheios de perfume, essência e tipos diferentes de química.

Lembre-se: é seu pênis, não seu cachorro.

O combo perfeito é sabonete neutro, água morna e, claro, muito cuidado na lavagem.

 

Existe maneira correta de lavar?

(Redes Sociais/Reprodução)

Primeiro, comece pela base, região próxima às regiões mais escondidas, com resto de pelo e impurezas.

Não se esqueça dos testículos.

Aos homens sem circuncisão, o ideal é “deslizar” o prepúcio e limpar as partes internas da pele, local em que há muita umidade e, consequentemente, bactérias.

No mais, use o bom senso: sem movimentos bruscos, produtos de origem duvidosa, água muito quente.

Não se esqueça, porém, de achar um equilíbrio entre as lavagens.

Lavar de menos ou demais pode causar Balanite, uma inflamação peniana que deve ser tratada e acompanhada com ajuda profissional.

Newsletter Conteúdo exclusivo para você