Eleição: Viena é a melhor cidade para se viver no mundo

A consultoria Mercer analisou condições socioeconômicas (níveis de saúde, educação, meio ambiente e outros) para bolar um ranking global

Determinar qual a melhor cidade para se viver no mundo não é das tarefas mais fáceis. Para se ter uma ideia, a consultoria Mercer, do Canadá, analisou condições de moradia, educação, saúde e outros aspectos sociais e econômicos para montar um ranking de qualidade de vida. Em 2016, inclusive, o estudo acrescentou até o aspecto de segurança do local como um critério de avaliação – nesse quesito, Luxemburgo (capital do país homônimo) ficou com o topo. O resultado, apesar das incertezas decorrentes da imigração a Europa, foi marcado pela sétima vitória consecutiva da cidade de Viena, na Áustria.

Sim, nós também pensamos na qualidade do chocolate austríaco como uma fator marcante, mas pelo jeito é a questão governamental que faz o lugar se destacar. “O governo por aqui é bem democrático e tem uma longa tradição de investir em habitação social de qualidade”, comenta Helena Hartlauer, moradora da cidade ao jornal britânico The Guardian. “Para ter uma noção, eu moro em um apartamento de 100 metros quadrados, cerca de 20 minutos a pé do centro, e minha renda é de apenas 800 euros (625 libras) por mês”, completa. Em um comparativo rápido, habitação equivalente em Londres iria custar em torno de 2.000 libras.

As 10 melhores cidades para se viver

  1. Viena (Áustria)
  2. Zurique (Suíça)
  3. Auckland (Nova Zelândia)
  4. Munique (Alemanha)
  5. Vancouver (Canadá)
  6. Dusseldorf (Alemanha)
  7. Frankfurt (Alemanha)
  8. Genebra (Suíça)
  9. Copenhague (Dinamarca)
  10. Sydney (Austrália)

As brasileiras da lista

(Crédito: Reprodução/Wikipedia)
  • 106. Brasília
  • 117. Rio de Janeiro
  • 121. São Paulo
  • 125. Manaus

Posição de cidades importantes no mundo

  • 13. Berlim (Alemanha)
  • 37. Paris (França)
  • 39. Barcelona (Espanha)
  • 39. Londres (Inglaterra)
  • 41. Milão (Itália)
  • 44. Nova York (EUA)
  • 51. Washington (EUA)
  • 52. Madri (Espanha)
  • 53. Roma (Itália)

*Barcelona e Londres terminaram empatados na lista.

Do outro lado da lista, as cidades de pior classificação são os reflexos de um cotidiano de guerras e agitação política. E o posto de cidade mais insegura do mundo no momento ficou com Bagdá, no Iraque. Ainda estão na rabeira, Bangui (República Centro-Africana), Saná (Iémen) e Porto Príncipe (Haiti).